PROFILE DE UMA JOVEM DA COMUNIDADE
Counter
5 Agosto 2012                      
Começo pa pergunta a Natalia se bu podé fala um pouco de bu vida?

Nha nome é Natália Monteiro, solteira



Na unde bu nacé?



Na Cabo Verde, Cova figueira, 23 anos de idade, estudante de psicologia clinica e saúde


Ki tempo ki bu emigra?
                   
Desde kuando un tinha 8 meses e regressa pa Cabo Verde ku 8 anos, desde de kela sempre un ta passa
un temporada  em Cabo Verde e outra en Espanha, mas neste momento resido en Espanha, Bembribre,
Castilla Leòn


Papia um pouco di Cabo Verde

                  

Ok, sim djam stive na Cabo Verde, pa txeu tempo també.  Nhas pais é Cabo-verdianos, natural da ilha do
Fogo mas nu ta vive na Praia na zona Palmarejo


Fala um pouco di bu scola e ki dificuldade bu ta encontra?



Un studa na Fogo só 4 e 5 class, depos un ba mora na Praia e la un continua nhas estudos.
Tive alguns dificuldades kuando nha pai more, ki un staba na 7 ano.  Depos de kela nhas estudo bai
normal e com bom aproveitanentoe, claro kI sempre tem alguns barreiras.  Até ki gossin un sta na nha
último ano de curso.  So tenho a tese para defender na Universidade Jean Piaget de Cabo Verde.



Kusé bu ta pensa de  Universidade Jean Piaget de Cabo Verde?


De nha Universidade?


Sim


Pa mi é un bom Universidade apesar de alguns dificuldades, pamodi el ta dá txeu opurtunidadi pa pessoas
ki ka tem kel possibilidade de sai fora pa fazé curso e el ta judá també pessoas ki ca tem meios pa fazé un
curso, apoiando ku bolsas de estudo o outros meios.  É um bom Universidade en termos di ensino,
espaço e di grandes oportunidades aos estudantes



Di momento  bu stá na Espanha?


                     
Sim, e oras kim ta sta na Cabo Verde nta presta serviço voluntário na hospital da Trindade
serviço de psiquiatria.



Kumodi bu ta atchá condições de trabadjo na hospital di Trindadi?

                   

Trindade, é un excente lugar pa pessoas ki estuda psicologia, pode prendé através di realidade di lá mas,
tambe en termos de trabadjo, as vezes, é a propia condição de nós país ki cata permite tem un trabadjo
midjor ou facilita pa tem trabadjo la, pamodi sempre é un lugar ki ta presisa técnicos e  pessoas
especializadas pa trabadja ki muitas vezes tem mas, talves kel manera pa trabadja katá parce motivo
condições de país.


Pamodi bu escolhe es campo de medicina pa bu carrera profissional?  

                   

Un ka sabe se bu intende, é un área kim gosta txeu e  tambem, é un area ki povo inda ka sta txeu aberto
kuel por causa de pouco conhecimento ki povo tem nes aspecto e atraves de la un pode ajuda txeu
alguem e fazé tambe povo intende vida de uma forma diferente.


Ok, problema mental em Cabo Verde é  bastante agudo, bu tem algum ideia pamodi du tem es problema
comparado ku nós numero de população ki eh ka muto tcheu mas, mesmo assim actos de violencia é
grande?




Yeah, é sim pamodi…..



Pamodi, bu tem algum ideia sobre isso?

                  
População ka stá aberto a intende o porque das doenças mentais ainda, txeu pessoas ta acredita na kuzas
de bruxaria, espirito ou " mal fetu" Sima ta fradu na Cabo Verde.


Na bu opinião kuzé ki Governo debé faze pa mindjorá es situação di inibidade?

                

Txeu, ainda ka sta preparadu pa intende ma, é un doença igual ki kualker  e ma kualker un di nós podé un
dia sufri del, yeah, população stá mesté ser txeu sensibilizadu ou seja, faze manera de transmiti povo a
realidade da doença mental atraves de programas de televisão pa fala sobre doenças, fazé manera com ki
es mensagen txiga pá Povo, Tem txeu meios pa faze kelá.



Bu ta pensa ma condições sociais económicas pode ser factor principal nes assunto?



Sim, condições socias e economicos é un de kes factor

                    

Dias passados só pa dá um exémplo, na Fogo, más precisamente na freguesia di Santa Catarina, e em Sao
Filipe, kontice actos extremos di violencia domestica, resultando em homicidios, se Natalia Monteiro, dja
sabé es noticia, di ki maneira bu ta considera ou analiza situação dés  manera?


Sim,  un obi kel noticia mas un ka sabé exactamente como é que acontecé mas kelá djá é ka basicamente
tudo, sociedade de hoje en dia stá ta passa pa kes dificuldades la em termos de violência kela sta ser un
pontu txeu preocupante, e ku grande dificuldades pa resolve, pamodi nu tem stadu ta odjá ma é un ponto
ki cada vez más sta ta aumenta na nós país e é a maioria di jovens ki sta ta fazí parte des lado de violencia


Sim, mas bu ka ta atcha ma na Cabo Verde tem acontecido crimes bastante elevado comparado ku ce
índece populacional e maioria é relacionado ku violencia doméstica causado por muitos factores e sta
aumenta cada vez mais?



Sim, é verdade por isso kim frá ma sta ser un pontu de txeu preocupação pamodi é algo ki tem estado tá
aumenta cada vez mas.



Passando pa otu vertente, ki objéctivo Natalia Monteiro, tené pa futuro na bu carrera profissional?



Un kré futuramente podé trabadjá na nha área e  judá pessoas ki ta passá pa txeu dificuldade pa pode fazé
algo diferente.



Na Cabo Verde ou na otu parte?


Na Cabo Verde


                  
Ki mensagem Natalia ta gostaba di dixá pa kumunidade e ki prekupação bu tem nes area de saúde mental?


Preocupação kim tem é txeu,  djobé pa pessoas ku es problema ki realmente es é pessoas ki mas ta
precisa pa nós tudo nu tenta djobe  e ajuda  pamodi, é algo ki podé passa ku kualker un di nós


Podé explica mas?                      


Yeah, txeu dês ás vezes familias ka tem condições, nen pa ba fazé un visita pamodi é longe de cidade,
condições pá fazé un tratamento en condições ou midjor frá, tratamento adekuado pa pode djudas na sés
midjor recuperação  e um lugar ki tudo ki nu ajuda kuel é bem vindo pamodi la é  un lugar ki tem pessoas ki
presisí de tudo.

Ok, Natalia nta agradecé bu disponibilidade ki bu concedé pa papiá nés importante assunto di
kumunidade e ntá disejabu saude e sucesso na  vida e na bu Carrera professional.



De nada




Obrigado Natalia e boa sorte


SAÚDE MENTAL EM CABO VERDE
PROFILE DE UMA JOVEM DA COMUNIDADE
Natalia Monteiro, uma jovem da comunidade que encara a vida duma maneira especial, dando muito da sua
parte para que haja uma harmonia dentro da sociedade que ela pertence.

Natalia, nasceu em Cova Figueira, Fogo, Cabo Verde, quiz o destino que aos 8 meses de idade ela
emigrasse para Espanha, voltou para Cabo Verde, quando tinha 8 anos de idade. Actualmente ela está
concluindo seus estudos na Universidade Jean Piaget na cidade da Praia, ilha de Sao Tiago,Cabo Verde, ela
também trabalha num centro de saude mental na mesma ilha.

A despeito de muitas dificuldades, Natália Monteiro, continua trilhando seu caminho traçado com excelentes
perspectivas no futuro, ajudando sua comunidade e servindo de exémplo para os jovens da nossa
comunidade.

Sem dúvida nenhuma a saúde mental de uma pessoa é o seu maior conforto e também sem margens para
duvidas um pais ou um governo que nao da muita atencao a este flagelo humano indica que mais precisa
ou tem de ser feito em torno deste dilemma que afecta e prejudica a comunidade e especialmente a familia.

Em Cabo Verde, um pais relativamente pequeno e com uma populacao reduzida o indece da criminalidade
eh bastante acentuado e isto indica que algo esta se funcionando mal e a implementacao de medidas
apropriadas devem ser seriamente tomadas.

O tabu existente sobre a saude mental e a falta de um tratamento apropriado entre os Cabo-verdianos sao
factores que contribuiem grandemente para que haja um disequilibrium harmonioso mental da sua
comunidade que muitas vezes culminam em perdas de vidas, a violencias e suicidios .
A violencia familiar e individual em grande parte sao efeitos relativos a este paradoxo social que flagela a
nossa sociedade e que esta aumentando dia para dia sem ainda antever uma solucao apropriada.  
Por exemplo a violencia domestica em Cabo Verde eh um fenomeno comum na sociedade e pouco
difundida nos meios da comunicacao social so se relatam casos extremos ha um certo desconforto sobre
isso o que nao ajuda a sua solucao.  
PROFILE DE UMA JOVEM DA COMUNIDADE
SAÚDE MENTAL EM CABO VERDE